segunda-feira, 6 de novembro de 2006

Sisha Pangma

Bruno Carvalho,
fazia parte da equipa do João Garcia, naquela que foi a primeira expedição inteiramente portuguesa a uma montanha com mais de 8000m de altitude: o Sisha Pangma com 8013m (o mais baixo dos 8 mil). Da equipa, apenas o Bruno, o João, o Rui e um Sherpa chegaram lá acima. Mas o Bruno não desceu mais, ficou na montanha!

O risco é imenso e bem conhecido. No caso do Sisha Pangma, o risco de morte é 9,45% sendo até mais alto que o do Everest (9,30%). Percebo bem o porquê deste risco imenso, que põe o homem no seu devido lugar, face à força da natureza. Faça-se o justo tributo ao Bruno e recorde-se a emoção vivida pela expedição.

Enviar um comentário