quarta-feira, 21 de fevereiro de 2007

A viagem



Cinco estrelas. A nossa grande viagem correu na perfeicao (desculpem m n ha' acentos nestes teclados). Os nossos maiores receios e preocupacoes ficaram todas em terra. Conseguimos, como ja disse o joao, trazer toda a nossa bagagem e todos os 30Kg de bens para as criancas de Nairobi sem gastar 1 tostao a mais. Foi facil ja que as nossas mochilas de porao estavam com pouco mais de 10Kg. Em Nairobi chegaram direitinhas e sem isto de estrago. A imagem que se cria na TV destes paises e nos conselhos (sempre bem vindos) de quem ja por ca esteve fazem/nos um nervosismo acrescido, n vivido noutras viagens. M fiquei surpreendido por este nervosismo ir desvanecendo precisamente assim que estavamos cada vez mais perto. Fiquei bastante mais relaxado, va-se la perceber porque sabem onde? Em Amesterdao, depois de ver as pessoas que embarcaram connosco para Nairobi. Diria que 80% dos passageiros brancos, deram alguma paz de espirito, mas mais que isso, a postura dos quenianos que ja ai encontramos. Nao estava nada aa espera, principalemente depois de ter vivido Marrocos. Extremamemente autonomos, muito maduros no tratamento dos turistas e simpaticamente calorosos. Alem de os achar bonitos, ok ok, so as senhoras, mas a Liliana tambem diz o mesmo deles. E' o tom de pele, preto chocolate fantastico. O voo Porto-Amesterdao foi numa chafarica, um Embraer 175 minusculo onde eu ando agachado no corredor, credo, ainda ha avioes destes!! Pacifico no entanto, como se espera destes voos europeus. Amesterdao esteve cinzento e frio, frio cada vez mais empregnado ao longo da tarde. O almoco/lanche num intaliano soube bem. Confirmamos precarios, e a abundancia das CofeeShop, bem como a ligeireza como aqui se fala de sexo/drogas. Deu para pensarmos no assunto. Pena foi o RedLight district ter-nos passado ao lado. Nao vimos as meninas nas montras... Ha que voltar, talvez com espirito para viagem na europa, que desta vez estamos ja com o coracao em Africa.

Amesterdao-Nairobi com a KenyaAirways, excelente servico e viagem pacifica tb, se bem que cansativa por abarcar uma noite inteira. 7h da manha (+3h que Portugal) aterramos em Nairobi. Nao houve "o bafo" devem estar uns 20.C. As malas chegam perfeitas. A Amina, nosso contacto do voluntariado ostenta em primeiro plano o nome Lilian (sem 'a') e recebe-nos com um abraco daqueles de ternura, sabem. Ficamos logo rendidos. A senhora, mais uma outra, recebem-nos a ajudam-nos no norte necessario neste desnorteio inicial. 'No stress', diz-nos a senhora do autocarro, a vida aqui anda mesmo devagar. Passada 1h ai esta o nosso 'autocarro'. Malas no tejadilho. Passageiros a bordo. A Liliana tem que ir com os joelhos qs junto a testa, a roda fica mm debaixo do banco. Temos musica, a estrada e a paisagem comecam a desenrolar o que vao ser 5h de viagem. Os primeiros momentos sao de incredulidade, emocao e paz. E mesmo verdade, estamos no Quenia!!!! Que sensacao esta, acreditem, estamos mesmo bem!
Enviar um comentário