sexta-feira, 2 de março de 2007

Dias em Arusha

Ola amigos!

Ja' estamos em Nairobi e com a emocao da montanha ainda nem vos dissemos como foram os dias em Arusha, por isso aqui vai: Fica'mos a dormir no Karama Lodge, onde cada quarto e' um ge'nero de cabana. Tudo em palha e madeira, com uma rede mosquiteira 'a volta da cama. Aos pe's da cama uma grande portada da' para uma varanda que por sua vez se abre sobre um grande jardim. Ao fundo, mesmo la longe, nas manhas limpidas, podia-se ver o "nosso" Kilimanjaro. Todos os dias fomos 'a cidade a pe', apesar de ser uma distancia considera'vel (cerca de 30min). esta regra so' foi quebrada no dia apo's o regresso do Kili, como devem compreender :) Na cidade eramos sempre abordados por muitos locais que nao tem outra forma de sobrevivencia alem da venda de artigos aos turistas. As vezes sentiamo-nos pressionados mas eles nunca foram mal educados, bem pelo contra'rio. Queriam saber donde eramos e quando respondiamos "Nimetoka Ureno" ficavam todos loucos e so queriam falar dos jogadores de futebol portugues. Ficamos surpreendidos com a cultura futebolistica deles! O calor e' de tirar do se'rio qquer um. Eu andava sempre a pingar a'gua e a cheirar mal. Eles sao uma paz que so visto. Mtos nao trabalham e deambulam pelas ruas 'a conversa com este e com aquele. Nos percebemos rapidamente que nao podemos andar rapido nem agitados nestas terras. "Hakuna Matata"!
Ontem foi a nossa ultima noite em Arusha :( e fomos convidados para jantar com o nosso novo amigo Yusto (um dos nossos guias). Ficamos mto contentes com o convite e la' fomos, na espectativa. Ele vive num quarto nos arredores de arusha e tem tudo la dentro, cozinha, quarto e sala. So' falta a casa-de-banho q nao fica'mos a saber onde era. O espaco dele deve ter cerca de 10m2... e ele e' uma pessoa tao alegre! Foi-nos buscar no carro da irma, todo satisfeito. Cumprimentamos os vizinhos em Swaili e que simpatia de pessoas! Estavam 4 criancas a brincar no chao de terra a quem alegremente demos um carrinho e uma caneta. Que alegria! Cada um escolheu um carrinho e ficaram a olhar pra nos com aqueles olhos escuros esbugalhados. Depois o Yusto fez uma especie de tortilha pro jantar e ensinou-me (pq ja lhe tinha pedido) a fazer Ugali e Pourage, 2 pratos ti'picos daqui. Adoramos aquele bocadinho, mesmo no meio da cultura africana. Depois de jantar fomos ao clube la da zona onde se misturam mzungus e locais. Ate' por la' havia um massai todo louco a dancar. Havia banda ao vivo e o Yusto, que e' um belo dancarino, la' mostrou os seus dotes :) Um dos musicos, devia estar com calor, decidiu abrir a janela por tra's dele e... catrapuz, a janela caiu la em baixo na jardim. Ahahahahahahahha o que eu e o Paulo nos rimos... mas o Yusto e os outros ficaram na deles, como se nada tivesse acontecido. Que comedia!
Enviar um comentário